Fechar [X]

Skatista Profissional na Carteira de Trabalho

Carteira assinada do profissional Marcus Cida False

Por da Cemporcentoskate

Curtir

28/06/2007

"Atleta Profissional de Skate", esse é o cargo que os 6 skatistas profissionais da marca Freeday Shoes acabaram de ter assinado em suas Carteiras Profissionais.

A Freeday Shoes promove marco na história do skate nacional ao assinar CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social). Com a assinatura, os skatistas profissionais terão todos os benefícios que a empresa oferece aos demais funcionários, INSS, FGTS, Férias e 13.º salário, auxílio estudante, convênio médico, convênio com farmácia e em especial Seguro contra Acidente de Trabalho para atletas profissionais.

O Gestor de Marketing da Freeday, Milton Moca, conta que a idéia da assinatura das Carteiras surgiu de uma conversa entre o profissional Danilo Dandy, Marcus Cida e ele (Moca), sobre a real estrutura de atletas no Brasil. Segundo ele, até em uma marca como a Freeday, que investe e se compromete com o atleta, o mesmo não existia perante a sociedade, pois não conseguia fazer um crediário ou alugar uma casa, já que não tinha documentação oficial. Moca diz que outro objetivo da Freeday com a assinatura da CTPS é criar um vínculo maior com os atletas que dedicam parte de suas vidas ao desenvolvimento da marca Freeday.

"A maior dificuldade foi mesmo de vender isso a todo pessoal da empresa, principalmente pela burocracia necessária, pois a diretoria sempre foi favorável a esta atitude" diz o Gestor. Para finalizar Moca fala sobre a realização pessoal do feito:
"Ando de skate há 18 anos e esta com certeza foi a minha maior vitória profissional, pois sempre baseei meu trabalho em construir algo concreto para os praticantes deste amado esporte".

Danilo Dandy foi um dos favorecidos com a ação da Freeday. Na equipe profissional há 4 anos, Dandy fala sobre a importância de ter a Carteira Assinada. "A importância de ter a carteira assinada, é que minha profissão está sendo reconhecida em papel, depois de 9 anos sendo skatista profissional. E agora eu sou um profissional com todos os direitos. Com isso a Freeday cria um vínculo maior entre atleta e empresa mostrando a preocupação com nosso futuro. Infelizmente assim não acontece como vários amigos na profissão que trabalharam anos representando uma marca de skate, e só receberam um valeu e um aperto de mão."

Para finalizar, o Diretor da Freeday, Daniel Freitas, declara sobre a importância do feito inédito do skate brasileiro para o crescimento da empresa e do esporte. "Acredito que seja uma maneira de estruturar o esporte de um modo geral e deixando de ser um esporte informal, onde nosso país seja reconhecido e valorizado mundialmente. A partir da assinatura CTPS os atletas terão um suporte para desenvolver sua profissão como qualquer outro cidadão e, também, poder trabalhar tranquilamente sem que em algum momento tenha que parar de andar de skate em busca de uma profissão secundária. É uma forma de valorizar quem é sem dúvida o grande motivo de todos os negócios que funcionam em volta do skate! Parabéns a todos e hoje ele (skate) se torna um esporte devidamente profissional. Parabéns!"

Vamos aguardar para que a idéia se espalhe por todo o mercado, criando maiores responsabilidades e direitos entre empresa e atleta. Com isso o skate terá estruturas mais firmes e um futuro ainda mais promissor e sério. Um grande passo na evolução do skate nacional.

Fonte: www.freeday.com.br
Notícias relacionadas
Mais notícias

Para acessar com a sua conta do Facebook, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se

Para acessar com a sua conta do Twitter, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se