Fechar [X]

CEM Palavras: Danilo Diehl

 False

Por Marcos Hiroshi

Curtir

23/03/2013

Um dos maiores nomes do interior paulista e do Brasil, Danilo Diehl, é um daqueles skatistas que estão sempre insatisfeitos com o próprio nível de skate, tema que foi o título de sua entrevista publicada na CemporcentoSKATE # 122. Skatista em constante evolução. Sempre puxando os limites. Este é Diehl.

Infelizmente neste momento passa por mais uma cirurgia em sua carreira, que o afastará por alguns poucos meses do skate. Mas esta situação não é novidade para Diehl, que sabe muito bem todos os procedimentos de recuperação e está preparado para se reabilitar o quanto antes e retomar suas atividades em cima do carrinho com força total.

Conheça um pouco mais deste skatista profissional de Piracicaba (SP), o enfocado neste CEM Palavras.

Nome: Danilo José da Silva Diehl
Idade: 31
Tempo de Skate: Desde 94
Tempo de profissional: Desde 2003
Cidade que reside: Piracicaba (SP)
Patrô: Simple Skates e Red Nose Shoes

Skatista que mais o influenciou e por que?
O skatista que mais me influenciou e o que mais me apoiou foi o Rafael Cabral. Influenciado porque vivíamos juntos, então eu era uma criança vivendo e aprendendo com um cara pesado no rolê já, e consequentemente apoiado, porque usava tudo que era material usado dele, que tinha altos patrôs na época.

Maior roubada que já passou por causa do skate? 
Sem dúvida nenhuma foi a roubada que passei junto a Jean Duarte, o (Neverton) Socado e o (Alexandre) Massotti numa cidadezinha do sul da França, em 2010. É muito longa pra contar tudo, mas envolvia a total falta de tudo, rsrsrsrs…, falta de comida, lugar pra comprar comida, lugar pra dormir, de condução,… Tambem envolvia um bosque, ações ao estilo “Mcgiver” e um cara chamado Karrin Sherif! (risos) Não sei se está certo o nome do cara. Ele é francês…conhecido…, mó sangue.

Maior realização que já teve com o skate? 
Ter vivido todo o meu sonho de moleque com o esporte que amo! Patrôs, viagens, profissionalismo, models, capas, entrevistas, etc.,... E por causa dele também ter me tornado o adulto que sou hoje. O skate ensina demais. Impressionante a flexibilidade do skatista em qualquer meio ou situação.

Melhor parte de vídeo de todos os tempos?
Nossa, não consigo me apegar a algo assim dessa forma. O melhor de todos os tempos ou o pior.... , mas um cara que sempre achei um dos melhores do mundo é o Eric Koston, e a parte dele no Menikimati (video da éS). Nossa! Lembro que a galera via e ficava em choque. 



Melhor campeonato amador que já participou? 
Circuito Drop Dead do inicio dos anos 2000...quem colava sabe, né, Hiroshi?

Esses campeonatos na Drop Dead Skate Park viraram referência de organização e nível de skate no Brasil… mas voltando a suas perguntas Diehl, qual foi o melhor campeonato profissional que já participou? 
João Pessoa, champ na plaza, formato gringo...bem louco! (confira matéria do Myllys Skate Pro 2009, que Diehl participou)

Uma capa da CemporcentoSKATE? ?
Ah, a minha, né! (risos). Momentinho egocêntrico. Edição 06, das novas. (confira a capa no álbum de imagens abaixo)

 




















Música mais tocada atualmente no seu mp3 player?
Ogi - "A vaga"



Um vídeo na internet.
Olha ai então o mundo em que vivemos. Você acredita em tudo o que vê? Vá atrás das informações que quer irmãos.



Foto sua publicada na CemporcentoSKATE que mais gostou e por que?
O heelflip varial em Mogi das Cruzes. (veja abaixo a imagem do moment e clique aqui para ver a sequência da manobra que já emplacou na seção Manobra do Mês aqui do Portal).

Notícias relacionadas
Mais notícias

Para acessar com a sua conta do Facebook, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se

Para acessar com a sua conta do Twitter, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se