Fechar [X]

Planet Hemp: Mantenha o Respeito

 False

Por CemporcentoSKATE

Curtir

30/11/2018

A banda Planet Hemp está comemorando 25 anos de carreira e ganhou uma biografia oficial para celebrar esta conquista. O livro “Planet Hemp: mantenha o respeito” será lançado durante a Semana Internacional de Música (SIM SP) na quinta-feira dia 6 de dezembro, das 18h às 20h, no CCSP, com entrada franca. O autor Pedro de Luna estará vendendo e autografando a obra no local.

 

25 ANOS DO PLANET

No início dos anos 1990, embalados pela MTV, pela explosão do grunge e por uma nova e efervescente cena musical independente, surgiram bandas por todo o Brasil. Assim como os Raimundos em Brasília e o movimento mangue beat em Pernambuco, nasceu no Rio de Janeiro uma banda que misturava rap, rock, psicodelia, hardcore e ragga, e falava abertamente sobre a legalização da maconha: o Planet Hemp.

Mesmo com todas as dificuldades e a morte do seu criador, Skunk, a banda conseguiu em apenas cinco anos uma projeção nacional e internacional até então inimaginável. Seus três discos de estúdio venderam centenas de milhares de cópias, seus shows lotaram de norte a sul e a sua fama os levou a prisão, num episódio que comoveu o Brasil, em novembro de 1997. O Planet Hemp também revelou talentos como Black Alien, BNegão e o DJ Zé Gonzales, e inspiraram até uma revista em quadrinhos!

Agora, essa história é contada nos mínimos detalhes. Com depoimentos exclusivos dos integrantes e ex-integrantes, membros da equipe, músicos, familiares, profissionais do mercado e da imprensa, Planet Hemp: mantenha o respeito narra todos os passos do grupo carioca, desde o primeiro ensaio até a explosão com o lançamento do disco Usuário (1995), abordando todas as fases e acontecimentos importantes na história da banda. A extensa pesquisa do autor Pedro de Luna também traça um panorama do cenário do rock nacional do período, com ênfase nas bandas da chamada Hemp Family, além de acompanhar o bem-sucedido voo solo do vocalista Marcelo D2.

Após o lançamento do filme Legalize Já – que conta a história de amizade entre Skunk e Marcelo D2 e a formação do grupo – Planet Hemp: mantenha o respeito chega em boa hora para complementar o longa metragem e mostrar o que aconteceu com a banda dali em diante. E muita coisa aconteceu. O livro conta com materiais inéditos, como cartazes, flyers, matérias de revistas e jornais, credenciais e colagens do Skunk, além de um mapa que revela o itinerário da banda pelo Rio de Janeiro dos anos 1990. Minucioso, o autor montou ainda uma cronologia para o apêndice da obra, que aponta, ano a ano, os principais acontecimentos na vida do Planet Hemp.

São mais de 60 imagens espalhadas pelo livro, quase todas inéditas e tiradas por amigos e membros da banda, além de entrevistas exclusivas, histórias nunca contadas antes e aparições muito especiais.

Sobre o autor:

Pedro de Lunaé um escritor, jornalista, quadrinistae gestor cultural carioca. Viveu intensamente a efervescente cena alternativa dos anos 1990 e 2000, tanto na música quanto no skate. Já trabalhou em rádio, sites, organizou shows e editou fanzines. É autor das biografias Chico Alencar: caminhos de um aprendiz (2017) e Marcatti: tinta, suor e suco gástrico (2015). Planet Hemp: mantenha o respeito é o seu nono livro.

 

Serviço:

Lançamento da biografia “Planet Hemp: mantenha o respeito” com a presença do autor Pedro de Luna na Semana Internacional de Música (SIM SP).

06/12 (quinta) das 18h às 20h

Centro Cultural São Paulo: Rua Vergueiro, 1.000 Paraíso - Jardim Sul. Tel (11) 3397-4002. Entrada franca.

https://www.facebook.com/events/1884769098287299/

 

Notícias relacionadas
Mais notícias

Para acessar com a sua conta do Facebook, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se

Para acessar com a sua conta do Twitter, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se