Edição 65 False

Edição 65

Edição Comemorativa 8 Anos
<<< Veja fotos e pôsteres, clicando na imagem ao lado

:: CAPA ::
Gaúcho da pequena Esteio, Rafael Russo destaca-se por mostrar técnica, impacto e muita força em suas manobras. Aqui, ele pula um lance da escada de ollie e cai no final do corrimão de fs nosegrind. A arte da capa também foge um pouco do convencional. Uma manobra especial e uma arte especial que fizeram desta uma capa especial... É o que merece a nossa edição comemorativa. Oito anos de 100%Skate! Foto: Fábio Bitão.

:: MATÉRIAS PRINCIPAIS ::

Especial: De skatista para skatista – nossa equipe andando de skate
(Por Alexandre Vianna)
Foi um marco quando, oito anos atrás, levantamos um pequeno zine com os dizeres “Uma revista feita por skatistas para skatistas”. O projeto já pariu com grandes sonhos, fincou uma bandeira como se estivesse chegando na lua e, com isso, tornou-se a voz de um grande gupo. A revista 100%Skate é de todos os skatistas. Por isso, nesta edição especial de aniversário, com oito velas no bolo, fizemos questão de mostrar que nosso slogan continua o mesmo. Quando não estamos com o skate embaixo dos pés, estamos trabalhando por ele, sempre pensando em como podemos ajudar o skate brasileiro com nossas páginas, com nossos vídeos, com nosso site e com tudo que eles carregam. Skate é renovação o tempo todo e o passar dos anos não atrapalhou nosso respeito pelas novas gerações que surgiram, com novas tendências e constantes mudanças. A história fica, com todo seu mérito, e as coisas novas vão acontecendo sem bater na porta. Agora a 100%Skate é parte da história e da renovação ao mesmo tempo...

(o resto da matéria, com fotos e textos de toda a equipe que faz a 100%Skate, você pode conferir na edição #65, já nas bancas)

Frame Especial: 8 anos
(por Fernando Granja)
Aos oito anos uma criança já pratica esportes: anda de bicicleta, joga futebol, participa da educação física na escola. Com oito anos de idade, é possível sonhar os sonhos mais impossíveis, viajar no universo infinito da imaginação; é assim que uma criança começa a traçar seus objetivos, por menos que ela perceba, já está projetando seu futuro. É assim, sem compromisso, que uma criança começa a andar de skate. Daí em diante, ela sonha em dar as manobras mais difíceis, andar no maior número possível de pistas do Brasil e do mundo, enfim, sonha em ser aquele super-herói dos filmes e revistas...

(leia o resto do texto na edição impressa que você já encontra nas bancas. E, claro, veja também as fotos deste Frame especial)

No Foco: Rafael Russo
(Por Cauê Muraro)
Skatista não tem que falar muito. Tem que ter atitude e skate no pé. Consciente disso, o gaúcho Rafael Rysdyk é calado, frio e quieto, podendo até passar despercebido em algum lugar onde esteja. Seu apelido surgiu ao longo de seus oitos anos como amador, devido à sua fisionomia e ao seu porte físico, que lembram o de um verdadeiro soldado russo. Em cima da lixa, Russo faz jus ao codinome, pois tem um estilo caracterizado peã força, pelo impacto das manobras. Ele é aquele tipo de skatista que você com certeza desvia se o vir vindo de frente para trombar numa pista. Apesar da ascendência holandesa, Rafael descobriu, há bem pouco tempo e por acaso, que tem uma bisavó russa, para “enraizar” de ver sua identidade. O que não tira sua alegria brasileira. Esse mais um fruto do skate do sul do País: um tanque russo com flexibilidade brasileira...

Eu ganhei o skate que era do meu pai. Ele andava na época em que era mais novo, só que depois parou e deixou o skate guardado. Quando viu que eu comecei, me deu de presente o skate dele. Rafael Russo.

(textos, fotos, depoimentos de Russo... Está tudo na 100%Skate #65)

O Caminho Certo para a Diversão: Freedom Fog Tour
Entre os dias 3 e 6 junho, a equipe da Freedom Fog viajou por algumas cidades do interior de São Paulo fazendo para um demo tour. Os skatistas profissionais Adones Santiago, Cezar Gordo, James Bambam, Marcello Gouvêa, além de Emerson do Carmo (do departamento de marketing da marca), passaram por Mogi das Cruzes, Lorena e São José dos Campos. O fotógrafo Flávio Samelo acompanhou a barca e usou bem os olhos. Não apenas para captar, através da lente de sua câmera, as fotos que você agora, mas para registrar, à sua maneira, as impressões tiradas da viagem. O resultado é uma reflexão bastante pessoal sobre o significado das demo tours.

(Por Flávio Samelo)
Hoje em dia, quem trabalha profissionalmente com o skate conhece muito bem a expressão “DEMO TOURS”. Os melhores atletas das equipes em cidades diferentes, picos diferentes, pessoas diferentes, mas com algo em comum: a vontade de andar de skate com os amigos. Às vezes, fica difícil de ver seus amigos mais próximos, pois corremos muito, viajamos muito e milhares de outras coisas que a parte profissional do skate nos pede. Eu e o Bambam, por exemplo, moramos muito perto um do outro, mas quase não nos vemos (a não ser quando a gente sai para fazer fotos, ou seja, a trabalho). Já o Cezar Gordo, que mora em Porto Alegre, eu já vejo bem mais. Coisas complicadas, que só quem trabalha com o skate entende.

(para ler mais, é só ir até uma banca)

:: SEÇÕES ::

Falou!
Muito se fala no mundo do skate. Alguns comemoram manobras que acertam, outros contam de picos que encontraram, e no desenrolar das histórias sempre surgem frases marcantes. Não importa o assunto, o tema é sempre o mesmo: skate. Ao longo do mês, as paredes da redação da 100%SKATE estarão atentas em todos os acontecimentos para construir uma página da revista com mais diversão e curiosidades. Esta é a mais nova seção, FALOU.

Switch ollie 180 de front de prima!!!
(O skatista profissional Marcus Kamau espantado quando o profissional de street Willian Truta, no mesmo Desafio de Ollie, passou a marca dos 70 cm com um frontside 180º ollie perfeito na sua primeira tentativa. E de switchstance!)

100%Skate Visita Sua Cidade: Pomerode (SC)
O skate normalmente é associado apenas a grandes cidades, metrópoles, corrimãos, escadas... Foi justamente para mostrar que não é só em ambientes urbanos que vive o esporte, que o fotógrafo Flavio Samelo partiu rumo à pequena Pomerode no sábado de dia 28 de junho. Colonizado por imigrantes alemães há mais de um século, o município, hoje com pouco mais de 20 mil habitantes, situa-se 19 Km ao norte de Blumenau, em Santa Catarina, e tem um slogan que resume bem o seu estilo: “A cidade mais alemã do Brasil”...

Depto. Sequencial
Vertical: Backside 180º Ollie, por Damon Michellepis
Street: Switchstance backside 180º grind, por James Bambam

Portfolio
Fred Antunes, 25 anos, 12 de skate
Sempre que vamos falar sobre os trabalhos, os desenhos, as ilustrações ou as fotos dos skatistas do Portfolio, nos obrigamos a encontrar um adjetivo, uma palavra que seja, que defina a arte produzida por eles. E tem que ser do modo mais simples possível, direto ao ponto, sem enrolação. Mas será um pequeno texto de poucas linhas, feito esse que você lê agora, consegue “explicar” alguma coisa? Será que não é mais fácil deixar que os próprios desenhos ou fotos falem por eles mesmos?
Tome como exemplo as (ótimas) ilustrações do gaúcho Frederico Antunes, que já fez vários trabalhos para marcas de skate, como a Matriz...

Amplitude Auditiva
Forgotten Boys: Corrigindo Erros

Antes de mais nada, vamos esclarecer umas coisas: o que você vai ler aqui nestas linhas não é um texto comum, mas uma tentativa simplória de corrigir dois grandes erros cometidos no passado. O primeiro deles diz respeito ao fato de termos demorado um bocado – e sabemos disso muito bem – para colocar o grupo paulistano Forgotten Boys no “Amplitude Auditiva”. É algo grave – também temos consciência –, mas não custa remediar e o momento para fazê-lo é agora. O outro erro, talvez menos pior, aconteceu na única oportunidade em que o Forgotten apareceu na 100%Skate (seção ‘Ouvidos Atentos’, edição #60), quando falamos de seu segundo álbum, “Gimme More”. Na ocasião, dizia-se que “as primeiras cinco músicas são de rachar as caixas de qualquer aparelho de som”. Nada disso. Todas as 14 músicas são, isso sim, muito boas...

Espaço Amador
Evilásio “Viola” Moura (SP), Marcos Maciel (SP), João Paulo “Frank” (MG) e Saulo Almeida (SP).

Circuitos Amadores: 1ª Etapa do Circuito Reef/Tent Beach de Skate Vertical (14 e 15/6).

Fiksperto
- Foco em diferentes telas – Cada uma com sua loucura. Lançamento do vídeo da 100%Skate
- Mãe Reconhece o valor do skate
- Ouvidos Atentos: Frank Black, Deftones, Yo La Tengo.

Dando Idéia
Peça por Peça
Por Flavio Donadio
Trabalhar com skate é recompensador, se você souber viver a vida. O skate nos leva a lugares e situações bem diferentes daqueles aos quais a maioria das pessoas está acostumada. Mas muitas vezes isso passa batido e nem percebemos. As viagens, as sessões, as manobras, as fotos, a revista, os amigos e tudo o que encontramos no caminho são partes de um quebra-cabeça. Montando esse quebra-cabeça é que a gente se liga.
Olhando a revista um dia desses, me liguei que o importante é entender o quebra-cabeça enquanto o montamos. Entender que aquelas peças todas têm uma beleza própria, um sentimento que é singular. E se você souber entender e se deixar levar pelo sentimento, vai tirar 100% de proveito do que a vida pode oferecer.
Porque tudo na vida é feito de pequenas partes. E foi lendo e folheando a revista que isso passou na minha cabeça. Lembrei de muitas coisas, de muitas fotos que já fiz, de sessões, de campeonatos, de viagens. Lembrei da minha história na revista...
(Flavio Donadio, 25 anos, é skatista desde 1987 e foi fotógrafo da 100%Skate da edição 2 à 16, quando deixou de ser do staff e passou a ser colaborador)

Para acessar com a sua conta do Facebook, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se

Para acessar com a sua conta do Twitter, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se